ÁREA DO ASSINANTE
  Esqueceu sua senha?  

Notícias

Ex-secretário e ex-diretor são condenados por fraude em licitação para a compra de radares de trânsito em Pato Branco

07 de Novembro de 2017

O ex-secretário de Engenharia, Obras e Serviços Públicos Vlademir José Dal Ross e o ex-diretor do Departamento de Trânsito de Pato Branco, no sudoeste do Paraná, Ivo Brandalise foram condenados pela Justiça por fraude em licitação.

Na mesma sentença, o juiz Luiz Henrique Vianna Silva condenou também o engenheiro da empresa responsável pela venda e controle de radares de trânsito para o município.

Os três foram condenados a penas que variam de dois anos e três meses a três anos de detenção e pagamento de multa correspondente a parte do valor do contrato.

A pena que deveria ser cumprida em regime aberto foi convertida em prestação pecuniária - com o dinheiro revertido a uma entidade social - e prestação de serviço à comunidade.

Eles já haviam sido condenados no mesmo caso em uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa.

Segundo a denúncia apresentada à Justiça em 2013 pela 1ª Promotoria de Justiça de Pato Branco por meio da ação penal pública, a empresa vencedora da concorrência aberta em 2009 foi favorecida e os envolvidos direcionaram o processo, o que caracteriza a fraude.

O estudo técnico que fundamentou a licitação, destaca ainda, foi feito pelo engenheiro ligado à empresa que acabou vencendo a disputa, e não por um especialista do município, como prevê a legislação.

O contrato para a prestação do serviço por 48 meses foi de mais de R$ 4,6 milhões.

Fonte: G1