Urbana recebe sugestões ao edital de licitação em audiência pública

Audiência serviu, também, para o aperfeiçoamento e a consolidação do edital.

 

A segunda audiência pública prevista no processo de construção do edital de licitação da Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana) para a coleta dos resíduos sólidos na capital potiguar, realizada nesta terça-feira (30), às 9 horas, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RN), recebeu sugestões e propostas das partes interessadas. A diretoria da empresa também respondeu a questionamentos das empresas.

 

De acordo com o presidente da Companhia, Jonny Costa, a audiência de hoje serviu, também, para o aperfeiçoamento e a consolidação do edital. Ele informou que até o dia 22 de outubro, a equipe técnica da Urbana receberá sugestões ao edital, desde que apresentem quesitos que reúnam economicidade, qualidade do serviço e transparência.

 

Após o dia 22, a Companhia consolidará o texto final do edital e o publicará no Diário Oficial do Município (DOM), ainda em outubro. “O edital consolidado será publicado no Diário Oficial do Município e em um jornal de circulação nacional entre os dias 22 e 24 de outubro, e as empresas têm 30 dias para retirar as propostas”, informou.

 

A etapa seguinte é a abertura dos envelopes para habilitação das empresas que vão participar da licitação. Para essa fase, a Urbana reservou o dia 28 de novembro. No dia 19 de dezembro, a Companhia abrirá as propostas orçamentárias apresentadas pelas empresas, e a homologação das novas prestadoras dos serviços de limpeza pública em Natal deverá ocorrer no dia 7 de janeiro de 2015.

 

De acordo com Jonny Costa, o edital foi dividido em três lotes. O primeiro contempla os serviços nas zonas Norte e Oeste, e tem o valor estimado de R$ 166 milhões. O segundo cobre as zonas Sul e Leste e tem o valor de R$ 137 milhões. O terceiro, no valor de R$ 57 milhões, diz respeito à aquisição de equipamentos e a administração da estação de transbordo, totalizando R$ 361 milhões, com os contratos tendo um período de vigência de 60 meses (5 anos).

 

(Fonte: Portal no Ar)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!