Sonangol estuda as propostas

A Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) procedeu na sexta-feira em Luanda à abertura das propostas referentes às licitações de 2014-2015 dos blocos petrolíferos das bacias terrestres do Cuanza e do Baixo Congo.

 

De acordo com um comunicado de imprensa da petrolífera pública angolana, citado pela Angop, dentro de 45 dias a Sonangol vai concluir a análise das propostas, proceder à adjudicação das concessões e realizar a contratualização com os grupos empreiteiros destas concessões. O comunicado da Sonangol refere que a abertura das propostas é a etapa do processo de licitação que sucede à auscultação às empresas concorrentes (designado “roadshows”), lançamento do concurso, pré-qualificação e publicação dos termos de referência. De acordo com o comunicado da empresa, participaram no acto de abertura das propostas de licitação dos poços petrolíferos, entre outros presentes, a presidente da Mesa do Júri e representante da Sonangol, Suzel Alves, bem como Amadeu Azevedo, em representação do Ministério dos Petróleos, e Sílvio Gilberto Luther, pelo Ministério das Finanças.

 

O processo de licitações tem em concurso dez blocos petrolíferos, sete na Zona Terrestre da Bacia do Cuanza e três na Zona Terrestre da Bacia do Baixo Congo. O processo de licitação decorre ao abrigo da Lei n.º 10/04, de 12 de Novembro (Lei das Actividades Petrolíferas), e do Decreto n.º 48/06, de 1 de Setembro, que regula a realização de concursos públicos no sector petrolífero e demais legislação aplicável.

 

(Fonte: Jornal de Angolas)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!