Settrans se posiciona sobre pedido de novas licitações para mototaxistas

Como a Secretaria de Trânsito e Transporte Especial e Proteção de Bens e Serviços Públicos (Settrans), através dos setores de Transporte Especial e da Postura, fechou o cerco em torno dos profissionais que estão prestando serviço ilegal de mototáxi em Uberaba, alguns profissionais que estão irregulares, com o objetivo de regularizar sua situação para terem como garantir o sustento familiar, estão querendo que a prefeitura abra novamente licitação com as placas que sobraram do pregão anterior.

Na tentativa de obter uma resposta para esses profissionais, a reportagem do JORNAL DE UBERABA entrou em contato com a Settrans, que informou que, desde que terminou a licitação nº 002/13, o município já vem realizando monitoramento com a finalidade de elaborar um estudo técnico para ver a realidade da demanda pelo serviço no município. Na oportunidade, um dos representantes da pasta informou que o prazo para os  mototaxistas regularizarem a situação terminou no dia 6 de janeiro deste ano, junto com o recadastramento das vans escolares.

A próxima etapa da Settrans será passar uma relação dos profissionais cadastrados e de quantos se habilitaram para prestar o serviço. Dessa forma, a Secretaria terá condição de saber qual é o número real de vagas para permissões de mototaxistas, pois, na primeira licitação, contendo 657 permissões, apenas 248 foram habilitados, e, no segundo certame, foram 191 habilitados, mas nem todos realizaram o recadastramento junto à Settrans.

Possibilidade – Segundo a Settrans, nas duas licitações para mototaxistas, foram desclassificados cerca de 40 profissionais, que representam quase 30% dos interessados. Sem contar que, mesmo depois de terem facilitado o pagamento em até 10 parcelas, ainda ficaram permissões em aberto. Independente disso, o representante da Secretaria garante que, assim que a seção de transportes especiais concluir o levantamento e chegar a um número real da demanda pelo serviço de mototáxi, se ficar comprovada a necessidade através do estudo técnico, o município vai deflagrar outro processo licitatório para mototaxistas.

Por:  Luciana Rodrigues
(Fonte: Jornal de Uberaba)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!