Região de Ribeirão Preto recebe R$ 9,8 milhões em repasses para obras

Verbas estaduais também serão destinadas a custeio de entidades sociais.

Altinópolis receberá maior quota para obras de infraestrutura em novo bairro.

 

A partir desta segunda-feira (18) entidades assistenciais, hospitais e prefeituras de 41 cidades na região de Ribeirão Preto (SP) receberão juntos aproximadamente R$ 9,8 milhões do governo estadual para obras de infraestrutura, compra de veículos e equipamentos. Os recursos são provenientes das secretarias estaduais por meio de convênios.

 

A Prefeitura de Altinópolis (SP) é a que receberá o maior repasse: R$ 2,5 milhões serão destinados à aquisição de um carro ao Conselho Tutelar, à construção de uma ponte sobre o córrego Mato Grosso – na Rua Honório Palma – e a obras de infraestrutura em um programa de lotes urbanizados.

 

O prefeito Marco Ernani Hyssa Luiz explicou que esse último projeto é o mais importante para o município porque beneficiará 210 famílias com lotes para construção da casa própria. A área foi doada pela Prefeitura e o governo estadual custeará a implantação de asfalto, redes de água e esgoto, construção de galerias de água pluvial e sistema de energia elétrica.

 

“Serão atendidas famílias que estão cadastradas na Prefeitura desde 2009. Nós já tivemos cinco experiências positivas com o sistema de lote urbanizado. Assim que tudo estiver pronto, vamos tentar ainda um convênio com a Caixa [Federal] para que essas famílias possam financiar da melhor forma a compra dos materiais de construção”, disse o prefeito.

 

A segunda cidade entre as que receberão maior repasse está Nuporanga (SP), beneficiada com R$ 1,9 milhão, sendo 84% do valor – R$ 1,6 milhão – destinados à terceira etapa de reestruturação e ampliação do Centro Turístico Municipal “Antônio Ferreira Viana”

 

O G1 tentou contato com o prefeito Gabriel Melo de Souza, mas não obteve retorno até a públicação desta matéria. Uma nota publicada no site da Prefeitura de Nuporanga explica que o projeto prevê a construção de um complexo aquático e de lazer na cidade, e que a licitação das obras deve ocorrer até março.

 

Mais cidades
Ainda no ranking de repasses, a Prefeitura de São José da Bela Vista (SP) receberá R$ 500 mil para reforma e ampliação de um centro de saúde, Monte Alto (SP) foi beneficiada com R$ 381 mil, sendo R$ 250 mil destinados ao custeio da Santa Casa e R$ 91,8 mil à compra de uma ambulância.

 

Ribeirão Preto (SP) ficou em quarto lugar: seis instituições, entre elas o Hospital de Câncer de Ribeirão (Fundação Sobeccan) e o Grupo de Apoio à Criança com Câncer (Gaacc), receberão um total de R$ 340 mil para compra de equipamentos e custeio de despesas. Confira a relação completa das cidades em ordem alfabética:

 

Altinópolis – R$ 2,5 milhões
Barretos – R$ 180 mil
Batatais – R$ 70 mil
Bebedouro – R$ 40 mil
Brodowski – R$ 90 mil
Cajuru – R$ 245 mil
Colina – R$ 150 mil
Colômbia – R$ 150 mil
Cristais Paulista – R$ 12 mil
Guaíra – R$ 120 mil
Guará – R$ 60 mil
Guariba – R$ 90 mil
Ipuã – R$ 50 mil
Ituverava – R$ 260 mil
Jaborandi – R$ 35 mil
Jaboticabal – R$ 150 mil
Jardinópolis – R$ 30 mil
Luiz Antônio – R$ 30 mil
Miguelópolis – R$ 60 mil
Monte Alto – R$ 381,8 mil
Monte Azul Paulista – R$ 250 mil
Morro Agudo – R$ 30 mil
Nuporanga – R$ 1,9 milhão
Orlândia – R$ 50 mil
Patrocínio Paulista – R$ 30 mil
Pirangi – R$ 80 mil
Pitangueiras – R$ 160 mil
Pontal – R$ 330 mil
Ribeirão Preto – R$ 340 mil
Rifaina – R$ 30 mil
Santa Cruz da Esperança – R$ 30 mil
Santa Rosa de Viterbo – R$ 80 mil
Santo Antonio da Alegria – R$ 170 mil
São Joaquim da Barra – R$ 80 mil
São José da Bela Vista – R$ 500 mil
São Simão – R$ 60 mil
Serra Azul – R$ 30 mil
Taquaral – R$ 60 mil
Taquaritinga – R$ 50 mil
Viradouro – R$ 300 mil
Vista Alegre do Alto – R$ 150 mil

 

(Fonte: G1)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!