Quatro aeroportos no interior da Bahia serão ampliados

Quatro aeroportos do interior da Bahia serão ampliados, por meio do Programa de Investimentos em Logística: Aeroportos Regionais, desenvolvido pela Secretaria da Aviação Civil (SAC) da Presidência da República.

 

O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira, 16, pelo ministro-chefe da SAC e também ministro da Aviação, Moreira Franco, durante reunião com o governador da Bahia, Jaques Wagner, na sede da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

 

Os primeiros municípios contemplados pelo programa serão Barreiras (oeste), Irecê (centro-sul), Lençóis (centro) e Teixeira de Freitas (extremo sul). Conforme o ministro, os terminais aéreos destas cidades passaram pelas fases de elaboração de cenários por projetistas, análise de estudos técnicos e partem para a fase da licitação das obras.

 

“Temos pressa. Por isso, o projeto deverá ser elaborado em três ou quatro semanas, para que o edital seja lançado”, disse Franco.

 

O ministro também revelou que um aeroporto será construído em Santo Antônio de Jesus (a 184 km da capital). Mas não forneceu detalhes sobre o andamento deste projeto ou sobre a previsão de publicação do edital.

 

Barreiras
O aeroporto de Barreiras, a 858 km de Salvador, será o primeiro a passar por intervenções. A autorização foi assinada em abril pelo ministro. O investimento da obra será de R$ 56,1 milhões.

 

O estudo preliminar prevê que a extensão da pista de embarque e desembarque aumente de 1.600 metros para 1.950 metros. Já o terminal de passageiros, que hoje compreende uma área de 469 metros quadrados, passará a ter 2.160 metros quadrados.

 

A reforma de ampliação do terminal aéreo de Barreiras estava em discussão há cerca de cinco anos.

 

De acordo com a assessoria da SAC, a Infraero possui um anteprojeto executivo, o que vai facilitar o início da reforma. Além disso, não há empecilhos legais e ambientais para o início dos trabalhos naquele município.

 

Questionado sobre o atraso das obras em aeroportos como Ilhéus e Vitória da Conquista, Jaques Wagner disse que os motivos foram as exigências do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

 

“Eu percebo que o ministro tem vontade de decidir as coisas de maneira rápida. Acho que a licitação desses quatro terminais não vai demorar a ser publicada”, disse.

 

O investimento total da ampliação da aviação baiana será de R$ 548 milhões, sendo R$ 39,9 milhões para o terminal de Irecê, R$ 17,3 milhões para Lençóis e R$ 55,3 milhões para Teixeira de Freitas.

 

Os aeroporto de Barreiras e Irecê serão os únicos a ter as pistas de embarque e desembarque ampliadas. O de Irecê terá ampliação de 90 m. Os quatro aeroportos terão os terminais de passageiros ampliados pelo projeto.

 

 

(Fonte: A Tarde)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!