Projeto de licitação só deve sair em 2015

O estudo mais aprofundado sobre o transporte público – incluindo linhas, tarifas, a reestruturação completa – teve novamente o prazo prorrogado. De acordo com a Semob, os projetos de Licitação do Transporte Público e o Plano de Mobilidade de Natal só devem sair em 2015.

 

Após a Bilhetagem Eletrônica, a licitação é o segundo projeto mais debatido, uma vez que pretende reconfigurar a rede de transportes públicos de Natal, a partir do diagnóstico da situação atual. Serão analisados a origem e destino das linhas, demanda e viabilidade econômica do sistema.

 

O estudo precisará considerar, por exemplo, a existência de 165 alternativos no transporte público, apesar de atualmente só rodarem 82 ônibus. O pedido foi feito pelo Sitoparn e acatado pelo prefeito Carlos Eduardo Alves.

De acordo com Elequicina Santos, o Instituto Rua Viva também ganhou a licitação do projeto, mas ainda não foi nomeado.

 

A consultoria apresentou orçamento de R$ 431 mil para elaboração do projeto e do Edital de Licitação do Transporte Público.

 

Outro estudo já havia sido feito pelo Município em 2012, pela empresa Oficina e Consultores, ao custo de R$ 922 milhões, mas foi engavetado por ação do Ministério Público Estadual. Segundo Elequicina, a nova consultoria poderá reutilizar dados do estudo antigo.

 

O plano de mobilidade de Natal – que define a organização urbanística da cidade de acordo com o tipo de transporte –, previsto pelo Plano Diretor de 2007, também só ficará pronto ano que vem. A Semob ainda está fazendo a pesquisa mercadológica para lançar o edital de licitação.

 

(Fonte: Tribuna do Norte)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!