Presidenta do IPHAN anuncia em Penedo licitação do Largo de São Gonçalo

Após cerca de um ano e seis meses de muita luta e empenho de todos os envolvidos, na esfera municipal (Prefeitura de Penedo) e federal (Superintendência do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), em Alagoas), a obra de requalificação do comércio de Penedo, foi oficialmente liberada para licitação.

 

O projeto contempla do Hotel São Francisco, passando pela Avenida Floriano Peixoto, Travessa Joaquim Nabuco, até a Travessa Batista Acioly. O anúncio foi feito pela presidenta do órgão federal, Jurema Machado, durante inauguração da Casa do Patrimônio de Penedo, local que vai obrigar o escritório do IPHAN, e uma exposição permanente que conta a história de cidade.

 

“Penedo é uma cidade linda, impressionante, entre as 44 históricas inseridas no Programa de Aceleração do Crescimento 02 (PAC das Cidades Históricas) que vai passar por grandes mudanças. Duas já estão com licitações em trânsito, o Monte Pio dos Artistas e a Biblioteca. E já aprovada e com a licitação pronta para ser lançada, a requalificação do comércio, chamado de Largo de São Gonçalo. Uma obra grande, que vai trazer muitos benefícios e diminuir o fluxo de veículos no Centro Histórico”, observou a presidenta nacional do IPHAN, Jurema Machado, durante o tão esperado anúncio da licitação e inauguração da Casa do Patrimônio de Penedo.

 

Também presente ao evento, o coordenador nacional do PAC das Cidades Históricas, Robson Almeida, colocou a importância das intervenções que a cidade vai passar e do projeto ‘Centro de Convenções’.

 

“Desde 2006 que acompanho as intervenções de Penedo. Desta vez, os projetos serão maiores. Porém, estamos trabalhando também pelo viés econômico. Para que consigam se manter, ter viabilidade econômica. E diante do projeto de pesquisa, o estudo apontou que Penedo pode ser um Centro de Convenções. Ter seus prédios restaurados, se manter e gerar recursos, movimentar a economia local”, garantiu Almeida.

 

O prefeito Marcius Beltrão (PDT) também acompanhou a solenidade e agradeceu o empenho dos envolvidos nos trabalhos, para que a cidade tivesse nove projetos aprovados em Brasília, nesta primeira etapa.

 

“Todos nós estamos felizes pelas conquistas. Mais uma boa notícia para a cidade, o lançamento do edital para a obra do comércio, que se une ao projeto de transformação do Cine São Francisco, em Centro de Convenções, com recursos já alocados pelo Ministério do Turismo, através de emenda do deputado Renan Filho. Também aproveito este momento, com a presença da presidenta do IPHAN, do coordenador do PAC das Cidades Históricas e do superintendente do IPHAN em Alagoas, Mário Aluízio, para falar e pedir apoio para o nosso grande sonho, unir a Orla do Centro, com a do Barro Vermelho, usando o Beco da Privada. Vamos tentar brigar pela sua aprovação no PAC 3, com outros projetos para o município”, disse o chefe do Executivo.

 

Projetos executados pelo IPHAN

Em acordo entre o órgão federal, ligado ao Ministério da Cultura (Minc) e a Prefeitura de Penedo, ficou definido que as obras serão executadas pelo IPHAN. “Se fosse a prefeitura a ter que executar as obras, poderiam até ter uma demora. Os recursos para o município viriam pela Caixa, e teria todo um processo longo. E o próprio governo federal se encarregando da execução, ganha mais agilidade em vários aspectos. A Prefeitura fica responsável pela a fiscalização. Outro ponto muito importante do PAC, é que o município não precisa de contrapartida. A exemplo do Monumenta. E para destacar o sucesso de Penedo, no PAC 2, em apenas um mandato, a cidade vai receber mais de 25 milhões, com a inclusão do Cine Penedo. Nas últimas três gestões, foram cerca de 11 milhões”, concluiu o engenheiro e vice-prefeito de Penedo, também coordenador das obras do PAC em Penedo, Ronaldo Lopes (PMDB).

 

Projetos aprovados no PAC 2

1 – Requalificação urbana do Largo de S. Gonçalo; Licitação lançada nesta quinta (05);

2 – Teatro Sete de Setembro; Fase final para liberação de licitação;

3 – Marina Pública; Fase final para liberação de licitação;

4 – Cine Penedo; Recursos do Ministério do Turismo, emenda do deputado Renan Filho;

5 – Montepio dos Artistas; Licitação em andamento;

6 – Círculo Operário; Fase final para liberação de licitação;

7 – Biblioteca de Penedo; Licitação em andamento;

8 – Chalet dos Loureiros; Fase final para liberação de licitação;

9 – Cais da Marina de Penedo; Fase final para liberação de licitação;

Total: totalizando R$ 20.887.000,00. Podendo chegar até a R$ 21.8811.654,13.

Exposição permanente

 

A Casa do Patrimônio de Penedo, que vai obrigar o escritório do IPHAN, também tem o mais novo atrativo turístico da cidade. No local, além de um mini auditório, que poderá ser reservado para atividades culturais, com antecedência, o primeiro andar também guarda uma surpresa. Em horário comercial, o visitante poderá fazer uma viagem pela história de Penedo, através de fotos, telas de computador, interação homem e máquina, além de grandes painéis.

 

A exposição permanente retrata os aspectos sociais e econômicos, com a utilização de tecnologias interativas, como realidade aumentada, totens, touch screem e a sala da memória, onde os visitantes poderão gravar e assistir depoimentos sobre suas vidas. O prédio fica localizado na Avenida Floriano Peixoto, 1º andar da antiga casa lotérica de Penedo. Local também conta com elevador para portadores de necessidades especiais, cadeirantes e idosos.

 

Por: Roberto Miranda

(Fonte: Aqui Acontece)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!