Pregão é adiado em meio a impasse

A Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) adiou o pregão presencial para a contratação de transporte, gasolina e manutenção de carros a serem usados pelos vereadores, que seria realizado nesta terça. Diante de vários questionamentos das empresas, o certame foi reprogramado para o dia 22 de setembro, mas pode acabar sendo inviabilizado devido à exigência de carros com motorista prevista no edital.

 

Sete empresas que anseiam participar do certame questionaram principalmente dois itens: o que determina o fornecimento de 50 carros com motoristas e o que exige das empresas registro do Conselho Regional de Administração (CRA). Apenas o segundo pedido foi atendido pela Câmara.

 

O objeto da licitação pede a contratação de 50 carros com motorista e 50 carros sem motorista. No entanto, as empresas alegaram que o pedido de motoristas restringe a quantidade de concorrentes, já que as locadoras de veículos oferecem o serviço de transporte, não o de motorista.

 

Fonte: O Tempo

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!