Prefeitura de São Paulo abre licitação para construção de 43 novas creches

Segundo a Secretaria Municipal da Educação, novas unidades criarão cerca de 12 mil novas vagas. Desde 2013, Prefeitura entregou 26 novas creches, outras cinco estão em andamento e 18,6 mil vagas foram criadas. Investimento será de R$ 222,4 milhões

 

A Prefeitura de São Paulo publicou na última terça-feira (8) no Diário Oficial da Cidade o edital de licitação para a contratação de empresas para a construção de 43 novos Centros de Educação Infantil (CEI). O investimento previsto é de R$ 222,4 milhões e de acordo com a Secretaria Municipal da Educação, as novas creches criariam cerca de 12 mil novas vagas de matrículas para crianças entre zero a três anos de idade ou 280 alunos em cada unidade.

 

A publicação do edital de licitação dá início ao Plano de Obras em parceria com o Ministério da Educação para a construção de 172 novos CEIs na cidade. O governo federal investe cerca de R$ 1,2 milhão por unidade.

 

A licitação está dividida em quatro lotes com 11 terrenos cada, com exceção do lote 3 que conta com dez terrenos. A empresa vencedora será aquela que apresentar o menor valor de proposta por lote de creches. A abertura dos envelopes com as propostas está prevista para o próximo dia 31 de julho. O lote 1 contempla regiões como Grajaú, Parelheiros e Pedreira. No lote 2 estão Campo Limpo, Rio Pequeno, Vila Sonia e Parque Boulonge. No lote 3, os bairros beneficiados são Anhanguera, Vila Jacuí, Domingos Delgado, Jaçanã, Pirituba, Ponte Rasa, Tatuapé e Tremembé. Unidades na Cidade líder, Itaim Paulista, José Bonifácio, Parque do Carmo, Ipiranga, Sacomã, Vila Curuçá e Vila Jacuí compõem o lote 4.

 

As creches terão tamanho padrão de 920 metros quadrados de área construída, noves salas sendo três berçários e seis salas de mini grupos. As novas creches contam ainda com playground, brinquedoteca, elevador, refeitório e acessibilidade plena para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. Outras três novas unidades previstas no edital, além de CEIs, funcionarão em conjunto com Escolas de Educação Infantil (EMEIs). Essas unidades contarão com 2.680 metros quadrados, dez salas sendo uma de informática, três berçários, uma brinquedoteca e playground, também com acessibilidade plena.

 

Desde janeiro de 2013, a Prefeitura já entregou 26 novas creches, outras cinco unidades estão em andamento e os investimentos neste período geraram 18,6 mil novas vagas. O Programa de Metas 2013-2016 prevê a criação de 243 novas creches, sendo que 71 novas unidades serão feitas com recursos próprios e parcerias com o governo do estado. A Prefeitura também trabalha com convênios para ampliar o número de matrículas. Atualmente, as 1.659 creches da rede municipal de ensino atendem a 222.495 alunos de zero a três anos. A fila de espera por creches na cidade em junho atingiu 128,5 mil crianças fora das salas.

 

“Pretendemos até final de agosto soltar três editais de construção de creche. Enquanto isso, as creches estão sendo construídas. Porque tem sempre mil interferências na entrega de creches, nós também estamos conveniando. Nós vamos conveniar agora mais 15 mil vagas. No ano passado, conveniamos 12 mil. E vamos cumprir a escala de conveniamento, construção para chegar até o final do governo”, afirmou o prefeito Fernando Haddad em visita a Zona Leste nesta quinta-feira (10).

 

(Fonte: Ilustrada)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!