PAC destina R$ 30 mi à duplicação da BR-153

 


A duplicação do trecho da rodovia BR-153 em Rio Preto têm novo capítulo, agora no PAC (Plano de Aceleração do Crescimento). Publicação do Diário Oficial da União de 9 de julho destina R$ 30 milhões para a obra neste ano. O valor é seis vezes menor que o custo estimado para a obra  que é de R$ 180 milhões. Serão  17,8 km duplicados entre Rio Preto e Bady Bassitt.

Segundo o Ministério do Planejamento, apesar da liberação do recurso para 2013, ainda não há previsão para início  da licitação. Isso porque foram encontradas 78 falhas no projeto executivo para a obra apresentado pela Prefeitura de Rio Preto ao Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) no ano passado. Agora, o projeto para a duplicação  deverá ser refeito, não apenas por conta das irregularidades, mas também com  novas concepções de custo.

A entrada da obra no PAC permite licitação “simplificada” com a utilização do Regime Diferenciado de Contratação, na modalidade Contratação Integrada, onde a execução do projeto e da obra podem ser licitados conjuntamente, dando rapidez à realização do empreendimento.  

Para a contratação integrada, a Prefeitura terá de apresentar anteprojeto, que deve ser elaborado  pela Superintendência Regional do Dnit em São Paulo. Prefeitura/ A assessoria da prefeitura afirmou que o secretário de planejamento, Milton Assis, está em férias e não poderia responder as perguntas do BOM DIA. Em nota, a assessoria de imprensa se limitou a dizer que a prefeitura aguarda ainda a confirmação da inclusão da BR-153 no PAC.

Novela/ No ano passado, o governo municipal desistiu de conseguir a obra via Dnit. Desde então, o prefeito Valdomiro Lopes (PSB) reforçou o pedido para a inclusão da obra no PAC. O ex-prefeito de Rio Preto e hoje deputado federal Edinho Araújo (PMDB) chegou a licitar a duplicação, mas  a obra nunca saiu do papel.

Por: ALINE PÁDUA
(Fonte: Rede Bom Dia)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!