Obras de recuperação de municípios iniciam sem licitação

O governo de Mato Grosso do Sul por meio da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos publicou nesta terça-feira (12) no Diário Oficial do Estado aviso de dispensa de licitação para contratação de emergência de empresas que atenderão municípios que decretaram situação de emergência. De acordo com publicação, das 25 cidades que decretaram estado de emergência, pelos menos 14 serão contempladas. As dispensas de licitações estão previstas na Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993.

 

De acordo com publicação, os serviços serão feitos por meio de “ contratação direta emergencial da obra de recuperação de estradas vicinais que fazem parte da malha viária” que envolvem as cidades de Sete Quedas, Caarapó, Mundo Novo, Japorã, Tacuru, Eldorado, Itaquiraí, Naviraí, Juti, Aral Moreira, Amambai, Coronel Sapucaia, Paranhos e Iguatemi. Os contratos somam R$ 8,9 milhões.

 

Em dezembro, a forte chuva destruiu 39 pontes em Tacuru, Naviraí,Coronel Sapucaia, Caarapó, Amambai, Sete Quedas, Paranhos, Juti e Novo Horizonte do Sul, conforme Defesa Civil. Outras 22 foram danificadas em Tacuru, Itaquiraí, Sete Quedas, Caarapó e Novo Horizonte do Sul, além disso órgão registrou sete rodovias danificadas tanto estaduais quanto municipais, em Iguatemi e Naviraí. O governo do Estado ainda não efetuou contrato de emergência para Campo Grande, Jardim, Caracol, Bela Vista, Laguna Carapã, Deodápolis, Fátima do Sul e Novo Horizonte.

 

Obras

 

Segundo publicação, nos municípios de Sete Quedas e Tacuru, as obras serão executadas pela Construtora Roncone Eireli, por R$ 1.470.089,39 milhões. Já em Eldorado e Itaquiraí, os serviços serão feitos pela RMW Empreendimentos Ltda, no valor de R$ 1.496.427,65; Caarapó, Juti e Naviraí será Poli Construções e Terraplanagem Ltda., por R$ 1.498.620,31; Aral Moreira e Amambai, T.S Construtora LTDA, R$ 1.469.832,60, Coronel Sapucaia e Paranhos, R$ 1.465.951,35, executada pela Emmell Engenharia LTDA e a empresa Santa Cruz Construções e Terraplanagem LTDA executará obra sem Iguatemi, Mundo Novo e Japorã, por R$ 1.498.331,94.

 

Fonte: MS Notícias

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!