Obras da Copa do Mundo em PE devem ser entregues até maio de 2014

 

Balanço de serviços concluídos e em andamento foi divulgado nesta quinta. Corredor Leste-Oeste e trecho externo do Ramal da Copa são prioritários.

Obras para acelerar o fluxo de chegada e saída dos torcedores da estação de metrô Cosme e Damião e a conclusão de obras viárias, atrasadas em quase um ano, são os pontos definidos como prioritários pela secretaria que cuida dos assuntos relativos à Copa do Mundo em Pernambuco, que corre para cumprir os prazos a 203 dias do início da competição.

O balanço dos serviços concluídos e em andamento foi divulgado nesta quinta-feira (21) em evento na sede da secretaria, no bairro da Tamarineira, Zona Norte do Recife.

O prazo máximo para a entrega das obras, segundo a pasta, é 15 de maio de 2014. Os pontos prioritários, de acordo com o secretário extraordinário da Copa em Pernambuco (Secopa), Ricardo Leitão, são a conclusão do corredor Leste-Oeste e do trecho externo do Ramal da Copa.

“O corredor terá ônibus BRT, que levará o torcedor até o Terminal Integrado de Camaragibe e, de lá, eles podem pegar o metrô para Cosme e Damião ou pegar um circular direto para a Arena, por meio do trecho externo do Ramal da Copa. Isso dará um novo acesso ao estádio, pela margem esquerda do Rio Capibaribe. Hoje, só há acesso pela margem direita, pela BR-408”, explicou.

Leitão ainda anunciou a ampliação das opções de estacionamento periféricos, de onde partirão ônibus circulares com destino ao estádio, como Ceasa, Justiça Federal e Parque de Exposição do Cordeiro. Na Copa das Confederações, os torcedores tinham como opção apenas o Parqtel e a UFPE, além de alguns shoppings. “Vamos continuar apostando no transporte coletivo para desafogar o metrô. A ideia é diminuir o uso do metrô de 55%, observado na Copa das Confederações, para 39,78% na Copa do Mundo”, afirmou o secretário.

Na Copa das Confederações, os torcedores foram estimulados apenas a usar o metrô para chegar à Arena, que fica em São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife. O problema é que a estação mais próxima, a Cosme e Damião, foi planejada para atender a população da área, cerca de 3 mil passageiros por dia, o que não é suficiente para abrigar a quantidade de torcedores nos dias de jogo.

“Haverá obras para ampliar esse fluxo, além das outras opções de transporte, como BRT e táxi, e estamos pensando também em colocar atrações após as partidas para reter os espectadores um pouco mais na Arena”, informou Leitão.

CTs

Outro ponto prioritário apontado pelo governo estadual é a pavimentação dos acessos aos Centros de Treinamento do Sport e do Náutico, serviço de responsabilidade da Secretaria de Infraestrutura do Recife, por meio da Empresa de Urbanização (URB). A licitação para as obras deve ser concluída até fevereiro do próximo ano e a previsão é que os serviços fiquem prontos na primeira quinzena de maio. O investimento é de R$ 3 milhões.

De acordo com o secretário executivo da Copa da Prefeitura do Recife, Danilo Moreira, os dois CTs vão receber seleções que jogarão no estado. “Existe um contrato assinado [com a Fifa] antes da Copa das Confederações que diz que esses CTs seriam usados tanto nas Confederações quanto na Copa do Mundo. A Fifa apenas não oficializou porque estava esperando esse anúncio da gente sobre as melhorias no acesso, que era o único porém”, explicou.

O sorteio das chaves da Copa do Mundo, na Costa do Sauípe, na Bahia, ocorre em dezembro de 2013.

(Fonte: G1)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!