Licitação para Prontuário Eletrônico sai em outubro

Novo edital da licitação para compra do software da Saúde será publicado em outubro. A informação é do presidente da Codiub, Maurides Dutra, ressaltando que o material está na fase final de formatação e será levado para análise do prefeito Paulo Piau (PMDB) nos próximos dias.

 

O processo licitatório para compra do sistema já foi cancelado duas vezes. No ano passado, o problema ocorreu por causa dos critérios do edital. A Secretaria Municipal de Saúde previa apenas a obtenção da licença para uso do software por 12 meses.

 

Um segundo edital com correções foi lançado em julho deste ano, mas revogado no mês seguinte após parecer do departamento jurídico que contestou a utilização do pregão eletrônico para a compra do produto. A modalidade mais segura seria a concorrência, conforme os técnicos.

 

Questionado, Dutra preferiu não especificar ainda os detalhes do novo edital que será lançado em outubro. Na última licitação, o contrato para implantação do prontuário eletrônico estava estimado em R$8,2 milhões por um período de 30 meses.

 

O prefeito ressaltou que as falhas encontradas anteriormente foram sanadas e espera que o processo licitatório seja finalizado ainda este ano. “Em termos de gestão na Saúde, estamos próximos do zero e esse software é o início de uma gestão mais eficiente. Espero que esse trabalho seja executado a partir do começo de 2015”, acrescentou.

 

O novo sistema conhecido como prontuário eletrônico permitirá a integração on-line dos dados dos pacientes existentes nas unidades básicas, hospitais e UPAs (Unidades de Pronto-Atendimento). Com isso será possível oferecer agilidade na prestação de serviços. A compra está sendo conduzida pela Codiub. A tecnologia será transferida para a companhia após o encerramento do contrato.

 

(Fonte: JMOnline)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!