Licitação no Mucuripe será internacional

A Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) deverá abrir, até o próximo dia 30 de julho, consulta pública para o processo licitatório do arrendamento do novo terminal de passageiros do Porto do Mucuripe, em Fortaleza, que entrou em operação no mês passado.

 

De acordo com o presidente da Companhia Docas do Ceará (CDC), Paulo André Holanda, que viajou ontem a Brasília para tratar do assunto, o certame se dará por meio de licitação internacional e a iniciativa privada que vencer o processo deverá ficar à frente do empreendimento por até 25 anos, podendo ser prorrogado ainda por mais 25.

 

“Até o momento, já foram concluídos cerca de 93% de toda a obra. Os outros 7% restantes fazem parte dos espaços localizados na parte superior da estação de passageiros, destinada a estabelecimentos comerciais como bares e restaurantes”, afirmou Holanda, destacando ainda que a expectativa é que até o fim de agosto o novo terminal esteja totalmente finalizado.

 

Edital

Ainda conforme o presidente da Companhia das Docas, o Estudos de Viabilidade Técnica e Econômica (EVTE) para iniciar o processo licitatório do arrendamento já está pronto, faltando, neste momento, apenas finalizar o edital de licitação, que deverá ser concluído também até o fim deste mês.

 

Mais R$ 60 milhões

Durante a viagem, além de tratar do processo licitatório, o presidente da CDC também aproveitou a ocasião para incluir o projeto de prolongamento do mole do Titan – espigão de pedras – no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC3). “Isso deverá evitar o assoreamento e as ondas swell (ressaca do mar), que castigaram muito o Porto do Mucuripe nos últimos dois anos”, ressaltou Holanda.

 

Estimado em aproximadamente R$ 60 milhões, o prolongamento do mole, segundo Holanda, também deverá dar mais segurança às atracações no Porto do Mucuripe. “O intuito da reunião foi fazer o projeto e encaminhar para o licenciamento ambiental”, finalizou.

 

Estação de passageiros

A novo terminal de passageiros do Porto do Mucuripe entrou em operação, no mês passado, com a chegada de 3.500 mexicanos, que vieram a bordo do cruzeiro MSC Divina. O equipamento conta com instalações completas para embarque, desembarque e trânsito de passageiros; armazém de bagagens; sala para órgãos intervenientes (fiscalizadores); bem como estacionamento externo para ônibus, vans, táxis e carros particulares.

 

(Fonte:Diário do Nordeste)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!