Laboratório de DNA Forense do Piauí terá licitação no início do ano

A construção do prédio será realizada com recursos do Governo do Estado, com valor estimado de R$ 2,5 milhões.

O primeiro laboratório de DNA Forense do Piauí fará parte do Complexo da Polícia Científica do estado, em conjunto com o prédio do Instituto de Medicina Legal (IML) e Instituto de Criminalística, localizados na zona Sul de Teresina. O projeto do laboratório de DNA está em fase de conclusão e a obra será licitada no início do próximo ano.

A construção do prédio será realizada com recursos do Governo do Estado, com valor estimado de R$ 2,5 milhões. “O Ministério da Justiça disponibilizará os equipamentos para o laboratório de DNA e o Governo do Estado é responsável pela construção do prédio. A obra exige uma estrutura diferenciada, porque apresenta algumas peculiaridades para o funcionamento do laboratório”, explica o perito criminal e assessor de Planejamento da Secretaria da Segurança Pública do Piauí, Jorge Andrade.

O laboratório, com tecnologias avançadas, permitirá a identificação de criminosos através de exames de DNA, utilizando como base os vestígios deixados na cena dos crimes. A polícia será acionada e, com o local do crime preservado, os peritos serão responsáveis por coletar todo tipo de material do local, desde peças de roupa, amostras de sangue, saliva, fios de cabelo, dentes ou qualquer outro elemento que possa ser constituído como indício ou prova.

Para isso, os peritos criminais piauienses já estão recebendo treinamentos para atuarem no laboratório, entre eles farmacêuticos, biólogos e profissionais com mestrado em genética forense.

“Essa é uma conquista não só para a polícia científica, não só para a população piauiense, mas para todos que estão envolvidos nessa cadeia da percepção penal, o Ministério Público, as delegacias, como a da mulher, a delegacia do menor, entre outras”, afirma Jorge Andrade.

(Fonte: Portal o Dia)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!