Iniciada ampliação da arquibancada

Foi iniciado o processo de implantação das arquibancadas móveis da Arena das Dunas, o serviço que faz parte da matriz de responsabilidade do governo estadual tem de ficar pronto até o dia 30 de abril. O projeto orçado em R$ 9.799.989,67, prevê os serviços de montagem e desmontagem, mais o aluguel nos meses de maio, junho e julho. A estrutura móvel terá capacidade para receber até 11.744 pessoas, acrescendo a capacidade de público na Arena das Dunas para 40 mil espectadores durante o período de realização da Copa do Mundo.

 

De acordo com o secretário da Secopa-RN, Demétrio Torres, o processo de licitação foi realizado através do Regime Diferenciado de Contratações (RDC), criado pelo governo federal para garantir uma maior celeridade aos processos de licitações realizados visando projetos da Copa 2014 e também para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

 

“Pelo cronograma oficial da Fifa, o estádio teria de ser entregue já com essas arquibancadas móveis instaladas, no último dia 31 de dezembro. Mas fomos obrigados a solicitar um retardamento dessa exigência para diminuir os gastos, uma vez que estamos pagando o aluguel de toda essa estrutura. A empresa vencedora da licitação foi a que apresentou o menor custo”, afirmou Torres.

 

O secretário disse que não sabe se a estrutura ficará pronta a tempo de ser testada em jogos envolvendo os clubes potiguares, ressaltando ainda que, embora o serviço venha sendo realizado por uma empresa que esteja dentro dos padrões internacionais de segurança, a estrutura só será liberada depois do aval dos técnicos do Corpo de Bombeiros.

 

“Enquanto os serviços estiverem sendo realizados, aquela área terá o acesso restrito. Depois que o serviço estiver pronto e aprovado pelas nossas autoridades de segurança, não existe qualquer impeditivo para que o espaço possa ser utilizado em jogos do Estadual, da Copa do Brasil ou do Campeonato Brasileiro”, afirmou.

 

A estrutura começa a ser montada exatamente um mês após a inauguração oficial da Arena das Dunas. Mas além da verba empregada para implantação das arquibancadas móveis, o governo estadual também está responsável pela implantação das estruturas temporárias, outra exigência da Fifa para realização da Copa do Mundo. O projeto solicitado pela entidade, custa em torno de R$ 30 milhões, mas o governo do RN também quer reduzir esses gastos.

 

“Enviei um representante ao Rio de Janeiro levando uma proposta para ver se conseguimos reduzir esses gastos. Queremos saber realmente o que é indispensável junto ao Comitê Organizador Local (COL). Nós vamos aproveitar estruturas do canteiro de obras da Arena das Dunas e transferir alguns equipamentos exigidos para o estacionamento do estádio. Já conseguimos algumas reduções no valor final com essas medidas”, salientou o Demétrio Torres.

 

(Fonte: O Povo)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!