Governo economiza r$ 4,5 bilhões por utilizar o pregão eletrônico

 

 

As compras governamentais realizadas por pregão eletrônico proporcionaram, até setembro de 2012, uma economia de R$ 4,5 bilhões para os cofres da administração pública. Este valor representa uma economia de 22% para o governo federal. O levantamento foi feito pelo Ministério do Planejamento (MP), com base no valor de referência dos produtos e bens adquiridos, a partir de dados do Portal de Compras do Governo Federal (Comprasnet).

 

A constante economia gerada por esta modalidade demonstra a eficiência do governo federal em suas contratações, que ainda podem ser acompanhadas pela sociedade no Comprasnet, disse o secretário de logística da informação, Delfino Natal de Souza. Segundo ele, a utilização do pregão eletrônico contribuiu para a gestão governamental ao melhorar o gerenciamento das compras públicas.

 

Neste período, as aquisições do governo federal movimentaram cerca de R$ 23,2 bilhões na contratação de bens e serviços. Deste volume de recursos, o pregão eletrônico respondeu por 68% dos gastos. Em relação ao número de processos, esta modalidade também foi a  mais utilizada, com 93% das licitações. Nesses nove meses foram realizados 20.968 certames.

 

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!