Gasmig não tem previsão para fim de licitação

 


A Gasmig não tem previsão para a conclusão do processo licitatório para o projeto técnico do gasoduto Betim-Uberaba. A concorrência foi aberta em abril, mas a fase de habilitação técnica ainda não foi encerrada por causa dos recursos apresentados por empresas desclassificadas no certame.

 

Por enquanto, apenas o Consórcio Engefoto-Esteio está habilitado para seguir para a abertura da proposta de preço. Outras quatro empresas foram desclassificadas na análise técnica e agora tentam para reverter o resultado. Os recursos estão em fase de julgamento.

 

O valor máximo fixado para o desenvolvimento do projeto técnico do duto gira em torno dos R$24,2 milhões. A vencedora terá prazo de 10 meses para concluir o trabalho. Considerando o atraso na homologação da concorrência, a empresa terá até abril de 2015 para entregar os estudos topográficos do gasoduto, o projeto de pré-detalhamento, estudos ambientais e levantamento cadastral e jurídico da Rede de Distribuição de Gás Natural.

 

Somente após a elaboração do projeto executivo a Gasmig dará seguimento à licitação do gasoduto Betim-Uberaba. A estatal prevê o início da obra nos primeiros meses de 2015 e a entrega do duto até maio de 2016.

 

(Fonte: JM Online)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!