Empresa vencedora da licitação para as obra do lote 1 da BR-280 entra com recurso no TRF

Bolognesi quer derrubar liminar que impediu a emissão da ordem de serviço para o início da duplicação

A empresa Bolognesi Engenharia, uma das integrantes do consórcio que venceu a licitação para as obras de duplicação do lote 1 da BR-280, entre o Porto de São Francisco do Sul e a BR-101, ingressou nesta quarta com um recurso — um agravo de instrumento — no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, na tentativa de derrubar a liminar que impediu a emissão da ordem de serviço para o começo das obras no trecho.

Segundo o advogado da empresa, Eduardo Battistello Cavalheiro, a expectativa é de que a liminar seja derrubada nesta semana. A Sulcatarinense — terceira colocada — contesta o resultado, alegando que a Bolognesi descumpriu requisitos do edital.

Na última terça-feira, em Brasília, ao assinar as ordens de serviço para os outros dois trechos, entre a BR-101 e a zona urbana de Jaraguá do Sul, a presidente Dilma Rousseff disse que os órgãos técnicos e jurídicos iniciariam uma nova batalha para garantir o começo das obras ainda este ano.

Até o fim da tarde desta quarta, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e a Procuradoria Geral da República ainda não tinham ingressado com recurso.

Na internet, obras já começaram

Na internet, as obras já começaram. Menos de 24 horas depois de receberem as ordens de serviço para a duplicação da BR-280, as empresas Cetenco e Sulcatarinense incluíram a rodovia em seus sites como obras “em desenvolvimento” ou “em andamento”.

As empresas são responsáveis por dois dos três trechos da obra – entre a BR-101 e a zona urbana de Jaraguá do Sul. A Sulcatarinense tem uma série de obras em seu portfólio, a maioria delas no interior de Santa Catarina e do Paraná.

A Cetenco, de São Paulo, já trabalhou em importantes obras rodoviárias do País, linhas de transporte sobre trilhos e até a polêmica Usina de Belo Monte.

As empresas devem informar ao DNIT nos próximos dias quando pretendem começar a contratação das equipes e a montagem dos canteiros de obras.

(Fonte: zero hora)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!