Emater abre licitação para sistemas de dessalinização

03 de Outubro de 2016

O Programa Água Doce vai beneficiar 26 mil famílias do semiárido piauiense através da melhoria da qualidade da água.

O Governo do Piauí, através do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Piauí (Emater), em parceria com o MMA abriu no final do mês de setembro quatro processos de licitação.

O primeiro, na modalidade Adesão a Ata de Registro de Preços, tem o objetivo de contratação de Pessoa Jurídica para fornecimento de material de expediente e dois na modalidade Pregão Eletrônico para a contratação de Pessoa Jurídica para fornecimento de serviços gráficos, equipamentos de informática e mobiliário. Os três processos estão finalizados, aguardando apenas a contratação.

O quarto processo de licitação aberta, na modalidade Concorrência Pública, diz respeito à contratação de Pessoa Jurídica especializada para execução dos serviços de implantação de 54 (cinquenta e quatro) sistemas de dessalinização do Programa Água Doce. Segundo o coordenador do PAD Piauí, Adalberto Nascimento, o edital tem como objetivo a contratação de um a nova empresa, que a partir de janeiro estará construindo, instalando e monitorando os 67 sistemas instalados no Piauí. “Eles deverão ser entregues até dezembro de 2017, e com isto o Emater estará cumprindo o convênio com o MMA, que tem como meta a construção de 67 sistemas de dessalinização no semiárido piauiense”, afirmou o coordenador.

A primeira fase está subdividida em cinco etapas e tem por objetivo a execução das ações previstas pelos componentes: obras civis; para implantação e/ou recuperação de 54 sistemas de dessalinização, o fornecimento e a instalação de dessalinizadores, e a capacitação dos operadores dos dessalinizadores nas comunidades selecionadas na fase do diagnóstico , bem como a manutenção preventiva dos 67 sistemas de dessalinização do Programa Água Doce, de acordo com a metodologia do Programa. Para esta fase serão investidos cerca de seis milhões de reais.

De acordo com o diretor geral do Emater, Marcos Vinicius, a licitação visa beneficiar mais de nove municípios do semiárido piauiense através da melhoria da qualidade da água. O gestor acrescenta que se tudo ocorrer dentro da normalidade que rege as leis de licitação os trabalhos serão iniciados ainda este ano. “O convênio irá até 2018, e em todo o ano de 2017 será realizada fase de implementação e em 2018 a parte de monitoramento. Cerca de 23 mil famílias serão beneficiadas de maneira direta e indireta. Com isto daremos um pouco mais de dignidade para nossos irmãos do semiárido”, disse.

Podem participar da licitação as empresas nacionais e individuais, que atenderem as condições do edital e que possuam o capital social mínimo exigido no item “condições de participação”.

A sessão de licitação está marcada para o dia 3 de novembro, e os interessados poderão buscar mais informações no site:www.emater.pi.gov.br.

 

Fonte: Portal do Governo PI

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!