Edital licitatório dos coletivos deve sair em agosto

SMTT espera finalização da análise das propostas apresentadas pelos usuários e da pesquisa domiciliar que darão suporte ao documento

 

O edital de licitação dos transportes coletivos da capital deve ser publicado em agosto. A informação é da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) de Maceió, que informou que a publicação do documento depende da conclusão do processo de audiência pública.

 

Já se passaram seis meses e a equipe da SMTT ainda está analisando as propostas e aguardando a conclusão de pesquisa domiciliar realizada pelo Governo do Estado, que servirá de suporte para o edital. Divulgada no final do ano passado, a licitação planejada desde fevereiro de 2013, seria uma solução para série de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza esse meio de transporte. A grande demanda na quantidade de passageiros é o principal fator desses problemas, já que as linhas de ônibus operam atualmente sob instrumento de outorga, que terminou em 1999 no mandato de Katia Born, havendo um retorno em 2012 pelo ex-prefeito Cicero Almeida, sendo suspenso pelo Ministério Público Estadual.

 

Números da SMTT mostram que cerca de cinquenta mil passageiros circulam diariamente nos transportes coletivos da capital. Atualmente a frota é composta por 700 ônibus e 93 linhas urbanas servindo a população, sendo que nove destas são especiais e funcionam apenas durante a madrugada, os chamados Corujões.

 

Existe um sistema semi-integrado de transporte com três terminais de integração que ficam localizados nos bairros do Benedito Bentes, Rotary e na Colina dos Eucaliptos. A integração permite a utilização de dois ônibus com o pagamento de uma única tarifa, apesar de que na prática, muitas pessoas acabam pagando duas passagens para irem ao trabalho ou resolver quaisquer outras coisas.

 

Em janeiro deste ano foi realizada uma audiência pública para discutir a licitação, quando foi lançada uma proposta para que a população enviasse e-mails com sugestões sobre o processo licitatório para serem avaliadas futuramente.

 

Entre as mudanças e melhorias, já está em andamento às implantações de GPS em todos os ônibus, para um melhor monitoramento do transporte coletivo, trabalho que é feito hoje pela Associação dos Transportadores de Passageiros do Estado de Alagoas (Transpal), e que pretende ser repassada para a SMTT.

 

A tarifa diferenciada para alguns bairros, novas frotas de ônibus e terminais, o aditamento da bilhetagem eletrônica, o aumento de terminais e ônibus com integração e a construção de mais ciclovias e faixas azuis também fazem parte dessas melhorias, segundo a assessoria da SMTT.

 

Algumas empresas já começaram a se adequar a essas mudanças. E, de acordo com a SMTT, se elas seguirem as modificações, devem continuar. Caso contrário, poderão fazer parte da licitação outras empresas de fora do Estado.

 

NOVOS TERMINAIS

 

Ainda, de acordo com a SMTT, para tentar amenizar a situação de quem utiliza o transporte público, foram reformados terminais de ônibus na Levada, no Vergel, no Conjunto José da Silva Peixoto e no Benedito Bentes.

 

(Fonte: Tribuna Hoje)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!