Edital do leilão A-5 é aprovado

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira, 26, o edital do leilão A-5 que será realizado em 30 de setembro. O órgão regulador estabeleceu como preço máximo para empreendimentos hidrelétricos o valor de R$ 158 por megawatt-hora (MWh).

 

Para usinas térmicas movidas a biomassa, carvão e gás natural, o teto será de R$ 197 por MWh, e para eólicas e empreendimentos solares, R$ 137 por MWh. No leilão, vence o empreendedor que oferecer o maior deságio sobre esses valores.

 

Relator do processo, o diretor André Pepitone informou que não haverá nenhuma usina com potência acima de 50 MW nessa licitação. Segundo ele, nenhuma usina com potencial de geração acima desse patamar obteve licença prévia a tempo de participar da disputa.

 

Com esse nível de potência, apenas Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) poderão entrar no leilão. O diretor José Jurhosa avaliou como baixo o teto para empreendimentos hidrelétricos. Ele manifestou preocupação com o fato de que esses valores incentivem apenas térmicas movidas a biomassa.

 

(Fonte: O pOvo)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!