Edital de licitação da concessão que irá operar o SIM deve sair em janeiro

 


O modelo de como será a concessão que irá operar o Sistema Integrado Metropolitano (SIM), que visa reorganizar o transporte público da Baixada Santista a partir do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), foi apresentado nesta quarta-feira, em audiência pública, em Santos. O evento, organizado pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), contou com a presença do presidente da estatal, Joaquim Lopes da Silva Júnior, e reuniu cerca de 60 participantes.

A PPP (Parceria Público-Privada) prevê a concessão para empresa ou consórcio das operações dos ônibus intermunicipais e do VLT, em implementação pelo governo estadual, além do fornecimento de veículos, operação e ampliação deste novo modal. A previsão é que o edital de licitação seja lançado em janeiro.

“Este processo deve finalizar em abril. Quem vencer a concorrência, que é internacional, recebe o sistema funcionando e deverá operar os ônibus e fazer a integração (com o VLT). O SIM será o coração do transporte metropolitano da Baixada Santista”, explica Joaquim Lopes.

Com o início da primeira fase do VLT, prevista para 2014, ligando Barreiros (São Vicente) até a confluência das avenidas Conselheiro Nébias e Francisco Glicério, em Santos, haverá uma redução de 41% nos ônibus que circulam entre as duas cidades, das atuais 64 linhas para 38.

(Fonte: A tribuna)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!