Bairro Vila Elisa terá obras de recapeamento e infraestrutura; Prefeitura abre licitação

A Secretaria de Obras abriu nesta quinta-feira (31), a licitação para as obras de recapeamento e infraestrutura que serão executadas na Vila Elisa, região norte da cidade. A obra, orçada em R$ 23 milhões, é a primeira do pacote de obras aprovadas pelo PAC II (Programa de Aceleração do Crescimento) do governo federal.

 

Ao todo, o governo federal aprovou a liberação de R$ 335 milhões em empréstimos da Caixa Econômica Federal para a realização de obras de infraestrutura, de abastecimento de água e mobilidade.

 

A obra, que vai da avenida Brasil até a via Férrea e da rua Petrópolis até a avenida Thomaz Alberto Whathely, abrangerá 50 quarteirões, 7 km de galerias, 50 mil m² de asfalto, 10 km de guias e sarjetas, 26 mil m² de calçadas e 450 rampas de acesso.

 

“Estas obras vão resolver problemas de infraestrutura na região que existem há mais de 40 anos e nunca foram resolvidos”, explicou o secretário de Obras, Abranche Fuad Abdo. O prazo da licitação é de aproximadamente 40 dias.

Aval do Tesouro

 

Nesta semana foi publicado pelo Ministério da Fazenda o aval do Tesouro Nacional para a liberação dos empréstimos. Assim, a prefeitura tem assegurado todos os repasses assinados com o governo federal para as obras do PAC II.

 

A primeira obra será a duplicação da avenida Antônia Mugnato Marincek. Após a desapropriação de todas as áreas, que está em fase final, será lançada a licitação.

 

O projeto de Ribeirão Preto conta com corredores estruturais, numa extensão total de 56 km, sendo: eixo Norte-Sul de 27 km, eixo Leste-Oeste de 25 km; e área Central de 4 km, no valor de R$ 42.218.495,14.

 

Também faz parte do projeto, calçadas e equipamentos de acessibilidade, no valor de R$ 52.737.024,60, terminais no valor de R$ 17.924.949,00; abrigos nos corredores no valor R$ 4.709.449,55; 30 km de ciclovias, nas avenidas Antonia Mugnato Marincek, Recife, Thomaz Alberto Whately, Café, Rio Pardo, Presidente Kennedy, Costábile Romano, e Luzitana, no valor de R$ 9.600.000,00.

 

Ribeirão Preto passará por uma grande transformação com as seguintes obras viárias:

– Viaduto na avenida Jerônimo Gonçalves com a avenida Francisco Junqueira;
– Ponte interligando as ruas José Bonifácio e Paraíba, sobre o Córrego Retiro Saudoso;
– Ponte interligando as ruas Tamandaré e Visconde de Inhaúma, sobre o Córrego Retiro Saudoso;
– Ponte interligando as ruas Barão do Amazonas e Benjamin Constant, sobre o Córrego Retiro Saudoso;
– Passarela interligando a Rodoviária ao Mercado Municipal/ Centro Popular de Compras, sobre a avenida Jerônimo Gonçalves;
– Túnel interligando a Av. Antônio Diederichsen à avenida Presidente Vargas;
– Túnel interligando a avenida Presidente Vargas à avenida Independência;
– Viaduto na avenida Brasil sobre a avenida Thomaz Alberto Whately;
– Viaduto na avenida Brasil sobre a avenida Mogiana;
– Viaduto interligando a avenida Antônio Diederichsen à avenida Maria de Jesus Condeixa, sobre a avenida Francisco Junqueira;
– Adequação do complexo viário na interligação das avenidas Nove de Julho, Portugal e Antônio Diederichsen;
– Ponte na avenida Antônia Mugnato Marincek, sobre o córrego das Palmeiras;
– Duplicação da avenida Antônia Mugnato Marincek.

 

“Estas obras são fundamentais para garantir a melhoria no trânsito e na qualidade do transporte em Ribeirão Preto. O aval do Tesouro Nacional demonstrou a importância do projeto para a cidade”, afirmou a prefeita.

 

(Fonte: Ribeirão Online)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!