ALSTOM conseguiu mudar licitação do metrô

Durante gestão de Geraldo Alckmin (PSDB), estatal lançou novo edital da linha 2, após concorrência, para atender a pedidos do ex-diretor da multinacional francesa Wagner Ribeiro; mudanças incluíram a estação Ipiranga e novas especificações das escadas rolantes e sinalização, que não estavam previstas no projeto original

 

A Alstom conseguiu mudar uma licitação do Metrô, em 2004, para incluir na linha 2-verde de São Paulo uma estação que não estava prevista na concorrência original.

 

A alteração foi confirmada, em janeiro de 2005, por troca de e-mail interna do ex-diretor da multinacional francesa Wagner Ribeiro: “Estamos trabalhando junto ao pessoal técnico do Metrô para tentar aliviar’ as Specs [especificações] de escadas rolantes e sinalização. Quanto ao orçamento, sugiro que seja modificado o objeto da licitação, por exemplo, retirando a reforma do trecho em operação e incluindo a estação Ipiranga”.

 

O Metrô então anulou a concorrência feita em outubro de 2004 por “razões técnicas e econômicas” e, no dia 15 de janeiro de 2005, lançou novo edital. As mudanças foram feitas no governo de Geraldo Alckmin (PSDB).

 

O consórcio formado por Alstom e Siemens levou o contrato por R$ 143 milhões.

 

(Fonte: Brasil 247)

Aproveite todas as licitações públicas em um só lugar!